Total de visualizações de página

quinta-feira, 23 de abril de 2020

Após "mutreta" diretora do IFRN pede exoneração.



A nomeação estilo "mutreta" do professor Josué Moreira, sem ter participado do processo eleitoral, do Instituto Federal na última segunda-feira tem novos capítulos.
Hoje, a diretora do Campus Pau dos Ferros , professora Antônia Silva, pediu exoneração e justificou o pedido como reação : "Não fico mais um dia sob a tutela de um reitor que vem de forma impositiva, nem ao menos se submeteu ao processo eleitoral e se submete a essa lógica anti-democrática do Governo Federal…"
A manhã do IFRN não foi tranquila. Segundo a vereadora Divaneide Basílio (PT), o novo reitor “invadiu” a sala destinada ao reitor esta manhã: "O prof. do IFRN autodenominado vice-interventor de Bolsonaro, invadiu o gabinete do reitor da instituição. Pegou a chave com a funcionária e trancou-se na sala. Os servidores estão protestando porque não existe nomeação oficial dele para nenhum cargo. Trata-se de uma invasão!"
JM

Nenhum comentário:

Postar um comentário